Segunda-feira, 5 de Maio de 2008

Alguns jogos tradicionais...

JOGO DO FITO

Jogo de pastores, implantado em todo o distrito é praticado assiduamente em todas as aldeias.

Participantes:
Joga-se em equipas de dois ou individualmente.

Disposição inicial:
Necessita de uma pista em terra batida de 20/25 metros de comprimento por 2 metros de largura.
Nos extremos da pista, depois de traçados dois riscos no chão em forma de cruz, colocam-se dois xinos (em pedra com 8 cm de altura), um em cada extremidade, e outro xino no centro.

Desenvolvimento:
Quando jogado em equipa, os lançamentos são alternados.
Sempre que o fito de um jogador fique mais próxima do xino este ganha a mão e é o primeiro a lançar em seguida. Sempre que ganha a mão o jogador ou equipa faz 2 tentos. Quando derruba o xino e ganha a mão, faz seis tentos. Se só derrubar o xino e não ganhar a mão faz quatro.
Os tentos contam-se de baixo e de cima, isto é, os primeiros 15 ou 20 tentos são de baixo, os seguintes são designados de cima.
Há localidades em que o jogo termina aos 30 tentos, isto é, 15 de baixo e 15 de cima. Outros há em que termina aos 40 ( 20 de baixo e 20 de cima).
Joga-se a vinho e vence a equipa que ganhar 2 jogos seguidos ou ganhar o terceiro em caso de empate.

Material:
Cada jogador tem um fito ou fita (pedra de granito redonda, rectangular ou quadrada, com uma espessura de 2 a 2,5 cm e com um peso variável entre 500 a 1000 gramas).





JOGO DA RAIOLA

 
Joga-se em muitas localidades do Nordeste, mas com mais assiduidade e de forma mais genuína em Freixo de Espada à Cinta (e parte sul do distrito), pois nesta vila só é permitido jogar com moedas de D. Carlos e D. Luís, o que não acontece nas outras localidades.

Terreno:
Liso, de preferência em terra, ao ar livre ou coberto.

Participantes:
O número de jogadores pode variar de dois a oito, jogando-se individualmente ou por equipas, conforme se trate de dois ou mais. Na falta de um elemento para completar a equipa, pode um dos jogadores jogar com duas moedas, correspondendo assim à falta de um parceiro.

Material:
Uma moeda para cada jogador (xx REIS D. Carlos ou D. Luís), uma raia no chão - de comprimento variável (50 a 80 cm) com duas semi-circunferências nas extremidades e o recto (zona de lançamento) a uma distância variável da raia (3 a 5 metros).

Desenvolvimento:
O jogo acaba aos 30 tentos, divididos em 15 maus e 15 bons. Podem ganhar-se 1,2,3,6,9,12 e15 tentos, ou até todo o jogo duma só jogada, conforme a disputa dos jogadores.
Ganha quem colocar a moeda na raia ou mais perto dela.






CORRIDA DE SACOS


A corrida de sacos é uma prova pedestre de resistência, em que os concorrentes cobrem uma determinada distância (consoante o escalão etário) introduzidos num saco até à cintura.

Participantes:
A prova pode ser individual ou por equipas.

Disposição inicial:
O percurso é determinado pelo júri. Ganha o que primeiro ultrapassar a linha da meta.

Desenvolvimento:
O objectivo é percorrer a distância indicada no mais curto espaço de tempo.
Para se deslocarem, devem segurar o saco com as duas mãos. O concorrente que sair de dentro do saco durante o percurso, será desclassificado. Se a prova for por equipas, será a equipa também desclassificada.
Se for por equipas, será vencedora a equipa que obtiver o maior número de pontos resultantes do somatório dos seus componentes.

Material:
Sacos, de preferência em serapilheira.
publicado por lamietierra às 15:00
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim

Número de visitantes...

Maio 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

posts recentes

As muralhas de Miranda do...

Alguns jogos tradicionais...

Dados gerais da cidade

Sé Catedral de Miranda do...

Castelo de Miranda do Dou...

Algumas considerações sob...

21 de Fevereiro, o dia da...

Perspectiva arquitectónic...

Economia

Parque Natural do Douro I...

Deixem o povo falar...


Free chat widget @ ShoutMix

links

arquivos

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

pesquisar